O novo celular da Kyocera tem o tamanho de um cartão de visita

kyocera-ky-o1l-700x438

Enquanto algumas empresas se esforçam para oferecer telas maiores em seus celulares, outras querem lançar aparelhos com o menor tamanho possível. É o caso da Kyocera, que apresenta seu KY-O1L como o “mais fino e mais leve celular do mundo”.

O aparelho possui 5,3 mm de espessura e pesa 47 gramas. A tela e-paper tem 2,8 polegadas e a bateria, 380 mAh. Ele não possui câmera e não permite baixar nenhum aplicativo, mas oferece um navegador para você acessar a internet pelo 4G.

O KY-O1L começará a ser vendido em novembro pela NTT Docomo, a maior operadora do Japão. Por lá, ele custará 32 mil ienes (cerca de R$ 1.060). Apesar do mote do celular mais fino do mundo, há controvérsias.

Em 2014, a Gionee lançou o Elife S5.1. Como o próprio nome dá a entender, o aparelho tem 5,1 mm de espessura. Há outros modelos ainda mais finos, como o Oppo R5s, que possui apenas 4,9 mm de espessura.

Apesar disso, o KY-O1L consegue ser mais fino que outros celulares realmente pequenos. O Unihertz Atom, por exemplo, é um smartphone em miniatura, mas tem 18 mm de espessura. O Zanco tiny T1, por sua vez, é do tamanho de duas moedas, mas tem 12 mm de espessura.

Fonte: Tecnoblog, The Verge