Razer apresenta o Project Christine, um conceito para um PC modular



A Razer, conhecida fabricante de acessórios e PCs para gamers, anunciou durante a CES 2014 o Project Christine, um conceito para a criação de um PC completamente modular. A idéia é possibilitar que mesmo usuários sem conhecimento técnico montem máquinas personalizadas de acordo com suas necessidades, sem encaixar um cabo ou apertar um parafuso sequer.



O que a empresa fez foi colocar cada componente de um PC (placa-mãe, RAM, disco, GPU, interfaces de rede, drive óptico, etc) em um módulo padronizado e autocontido. Os módulos são encaixados em uma torre que atua como um barramento, provendo comunicação entre eles e alimentação. Quer trocar a GPU? Desplugue o módulo antigo, plugue um novo. Colocar mais RAM? Plugue um módulo extra. Fazer um upgrade do processador? É só trocar o módulo correspondente.
Segundo a Razer, este design possibilita a criação de uma máquina “perpetuamente atualizável”. Cada módulo tem um sistema de refrigeração líquida e isolamento de ruído próprio, o que resulta em um PC silencioso e que pode ser “overclockado” com segurança. 
Por enquanto o Project Christine ainda é um conceito, e não há uma máquina construída de acordo com esta filosofia, nem uma previsão de quanto ela poderá chegar ao mercado ou quanto vai custar. Mas com certeza é uma das idéias mais interessantes no mercado de PCs desktop nos últimos anos.

Fonte: PC World

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.